sexta-feira, 12 de março de 2010

Instituto de Matemática da USP promove curso para professor do ensino público

Clipping Educacional - Da Agência Imprensa Oficial e da USP
Em vez da aula tradicional para atualização, há encontro quinzenal em que o participante propõe tema para discussão
O Instituto de Matemática e Estatística (IME) da USP criou um curso de atualização para professor de escola pública do ensino fundamental e médio. No programa, integrado ao chamado Projeto Estágio, professor e aluno do IME participam de estudo conjunto. Eles são divididos em pequenas turmas, que podem conter, no máximo, 25 alunos e dez professores. Cada equipe tem como responsável um docente do próprio IME.No curso, em vez da aula tradicional para atualização, há encontro quinzenal em que o participante propõe tema para discussão que esteja dentro do projeto pedagógico do professor da escola pública. A partir do tema, educador e aluno do IME ajudam o professor a criar projeto para aprimorar a aula na escola.
Dentro de cada projeto, são tratadas proposta pedagógica e dificuldade do aluno de cada escola, até construção de material didático, se necessário, sob orientação do docente do IME responsável. Para Iole de Freitas Druck, professora do instituto e coordenadora do curso, a diferença do programa em relação a outros é a interação ativa entre aluno e professor. "A gente quer trazer o professor aqui para aconselhá-lo a pensar em aula diferenciada, em projeto e a ousar mais. Com orientação do docente do IME e auxílio de alunos estagiários, ele pode sanar sua dificuldade", diz a professora.
Projeto de EstágioAlém da elaboração do projeto, o curso oferece oficina sobre temas matemáticos escolhidos. Assim, o docente do IME dá aula complementar da disciplina ao professor do ensino público. Essa atividade e os projetos fazem parte do planejamento do curso para o primeiro semestre. Já no segundo, o projeto é adotado na classe do professor participante, contando com a atuação dos alunos do IME. Nesse ponto é feita a avaliação do projeto.
O Projeto de Estágio é uma disciplina anual oferecida a aluno de Licenciatura em Matemática do IME, que visa à orientação e supervisão de estágio obrigatório do curso. O aluno cumpre pelo menos 100 horas de estágio. Ao integrá-lo ao curso de atualização de professor, Iole enfatiza que o estágio do projeto é mais participativo: "Normalmente, o estágio no ramo são observação de aula de professor. Eles não debatem o que o professor faz, ao contrário do que é feito no nosso projeto".
Experiência passada O projeto surgiu no ano passado, em decorrência do Programa de Formação de Professores da USP, que tem o objetivo de promover a formação inicial com a necessidade da escola pública. Além disso, a iniciativa estabelece o estágio obrigatório ao aluno de todo curso de Licenciatura da USP, de modo a articular a formação continuada de professor e a preparação do aluno no campo profissional.
Iole conta que a primeira experiência com o curso foi boa, apesar de algumas dificuldades, como a busca por professores de ensino público interessados. Ela e outros docentes do IME tiveram de procurar pessoalmente em algumas escolas públicas os professores que pudessem participar.No ano passado, durante o início do curso, havia 12 escolas com seus respectivos professores no projeto, incluindo municipais, estaduais, da redondeza do câmpus do Butantã, da USP da capital, e de fora de São Paulo. No final, terminou com dez escolas. Segundo Iole, um dos empecilhos para o professor era o horário das aulas, que ocorriam somente às sextas e terças-feiras.Neste ano, a docente espera maior número de escolas participantes. Já foi programado horário mais flexível, disponibilizando turmas para terça e quinta-feira, além de sábado, com aula quinzenal de duas horas.A inscrição vai até 15 de março, por telefone (11) 3091-6169 ou por e-mail (ccex@ime.usp.br). O interessado preenche ficha de inscrição e anexa cópia de CPF, RG, histórico escolar e diploma, carta de indicação do professor por parte da direção da escola parceira para o ingresso no curso Projetos de Estágio: Aprendendo Matemática com Projetos.

0 comentários:

Postar um comentário